10 museus para você visitar online

10 museus para você visitar online

Não é segredo para ninguém que a crise do coronavírus tem obrigado cidades ao redor do mundo a adotarem medidas de distanciamento social.

Com isso os planos de muitas pessoas são adiados até que a situação retorne à normalidade.

Viagens e passeios a lazer estão no rol de atividades que sofreram uma interrupção abruta tendo sido suspensas em quase 100% dos casos.

Para não ficar só na vontade contamos com a tecnologia para poder fazer visitas virtuais a diversos museus que disponibilizam seus acervos online e selecionamos 10 museus para você visitar online.

Diante de toda o cenário negativo provocado pela covid-19 essa possibilidade não deixa de ser uma forma de fazer com que possamos sair um pouco de casa, nem que seja de forma virtual.

Pelo menos duas vantagens são inegáveis: ingresso a custo zero e ausência de fila para entrar.

Bora programar as visitas?

10 museus para você visitar online

1. Louvre (Paris, França)

Museu do Louvre (Paris, França)

Quem já teve a oportunidade de vistar fisicamente esse museu, que é um dos maiores sonhos de consumo de qualquer turista que se preze, sabe que á impossível percorrer seus 72.735 metros quadrados em um dia.

O que dizer, então, da feroz disputa por espaço para avistar “de perto” a Mona Lisa?

De fato, o Louvre merece ser visitado (ou degustado) com calma para que seja possível apreciar o seu imenso acervo.

A visita virtual está disponível em, inglês, francês e espanhol, entre outras línguas.

Apesar de ser um dos melhores museus do mundo a visita virtual tem um porém. Você deverá ter instalado o Flash no seu computador.

2. Pinacoteca do Estado (São Paulo, Brasil)

Pinacoteca do Estado (São Paulo, Brasil)

Uma simples visita ao prédio da Pinacoteca já é capaz de encher os olhos de qualquer pessoa afina, trata-se de um dos mais belos museus de São Paulo.

O museu conta atualmente com mais de 9.000 obras de arte com destaque para a coleção de artistas nacionais, especialmente dos séculos XIX e XX.

Se você quiser conhecer um pouco mais sobre a Pinacoteca, não deixe de ver um artigo publicado no nosso blog.

Diferentemente do que acontece com o Louvre, a visita virtual à Pinacoteca apresenta uma experiência mais agradável. O acesso é feito através do Google Arts & Culture.

3. Galeria Uffizi (Florença, Itália)

Galeria Uffizi (Florença, Itália)

Visita obrigatória para todos os que visitam a bela cidade de Florença, a “Galleria degli Uffizi” (nome em italiano) é um palácio que abriga um dos mais antigos e famosos museus do mundo.

O museu destaca-se por possuir a melhor coleção do mundo de obras do Renascimento com obras distribuídas em várias salas dispostas por escolas e estilos em ordem cronológica.

A exemplo do que ocorre com a nossa Pinacoteca, a visita virtual à Galeria Uffizi também é realizada através do Google Arts & Culture.

4. Metropolitan Museum (Nova York, Estados Unidos)

Metropolitan Museum of Art (Nova York, Estados Unidos)

Carinhosamente conhecido pelo apelido MET, o Metropolitan Museum of Art é mais um dos belos museus fechados no mundo devido à pandemia do coronavírus.

Fundado em 1870 o MET foi aberto ao público somente no dia 20 de fevereiro de 1872 e, desde então recebeu mais de 5,2 milhões de visitantes.

Trata-se de um dos museus mais visitados do mundo com destaque para a coleção de pintura europeia dos séculos XII-XX e obras da arte antiga (grega, romana, egípcia e assírio-babilônica) e oriental.

Graças a uma tecnologia esférica especial o museu desenvolveu o premiado “The Met 360° Project” que permite conhecê-lo através de 6 vídeos.

5. Museus Vaticanos (Cidade do Vaticano, Vaticano)

Muesei Vaticani (Cidade do Vaticano, Vaticano)

Os “Musei Vaticani” (em italiano) correspondem a um conglomerado de renomadas instituições culturais da Santa Sé.

Nesse complexo encontram-se coleções de arte e antiguidades colecionadas ao longo dos séculos pelos diversos pontífices romanos.

Além de abrigar a famosa Capela Sistina de Michelangelo os Museus Vaticanos também contam com trabalhos de Rafael, Leonardo Da Vinci, Caravaggio e outros.

O museu virtual é disponibilizado nos seguintes idiomas: inglês, francês, italiano, alemão e espanhol.

No site oficial diversas obras, capelas e edificações podem ser visitadas em vídeos e em fotos 360º.

Este museu tem a sua reabertura prevista para ocorrer a partir do dia 1º de junho sendo que os visitantes deverão obedecer alguns critérios específicos.

6. Museu d’Orsay (Paris, França)

Museu d’Orsay (Paris, França)

Retornamos à capital francesa para falar de um museu que está localizado dentro de uma estação ferroviária construída em 1900.

Suas coleções apresentam principalmente pinturas e esculturas da arte ocidental do período compreendido entre 1848 e 1914.

Muitos turistas têm predileção pelo Museu d’Orsay em Paris justamente pelo fato de se tratar de um museu mais compacto que o Louvre facilitando muito a visita ao acervo.

Além de exposições temporárias o Orsay abriga obras de Van Gogh, Cézanne, Degas, Maurice Denis, Odilon Redon.

A visita virtual é feita através do Google Arts & Culture.

7. Casa de Anne Frank (Amsterdam, Países Baixos)

Casa de Anne Frank (Amsterdam, Países Baixos)

O Museu Casa de Anne Frank é um museu biográfico que relata a história de uma menina judia durante Segunda Guerra Mundial.

Ela havia se refugiado com a família na casa de vizinhos durante a invasão nazista dos Países Baixos ocorrida em 1942.

É possível fazer uma visita virtual à sala onde Anne e sua família permaneceram escondidos por mais de 2 anos.

Você também poderá assistir a diversos vídeos sobre a vida e o diário de Anne Frank.

Este é mais um museu que pode ser visitado virtualmente através do Google Arts & Culture.

8. The British Museum (Londres, Inglaterra)

The British Musem (Londres, Inglaterra)

Fundado em julho de 1753 o Museu Britânico abriga mais de 6 milhões de objetos em sua coleção.

Em 2012 foi o terceiro museu mais visitado no mundo tendo atingido a marca de  5.575.946 visitas.

Trata-se de um marco fundamental no estabelecimento do método museológico tendo sido o primeiro grande museu público, gratuito, secular e nacional em todo o mundo.

No site oficial do museu é possível encontrar detalhes sobre cada uma das galerias.

Através do Google Arts & Culture você poderá percorrer os corredores do British além de ter acesso a algumas exposições online.

9. Museu Reina Sofia (Madri, Espanha)

Situado entre os mais importantes museus de arte moderna espanhóis o Reina Sofia foi inaugurado oficialmente a 10 de Setembro de 1992.

Seu nome presta homenagem à Rainha Sofia, rainha consorte de Espanha.

Além disso, o museu abriga impressionantes coleções de arte do século XX, o que o posiciona como um dos melhores e mais importantes museus de arte moderna de toda a Europa.

10. MASP (São Paulo, Brasil)

Além de ser considerado o principal museu de São Paulo o MASP está entre as principais instituições culturais brasileiras.

Seu nome oficial é Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand e está localizado na Avenida Paulista desde 7 de novembro de 1968.

O prédio idealizado pela arquiteta Lina Bo Bardi é um dos mais famosos cartões postais da capital paulista devido aos pilares vermelhos que apóiam o grande vão livre de 74 metros.

O MASP possui a mais importante e abrangente coleção de arte ocidental da América Latina e de todo o hemisfério sul.

Percorra os corredores do museu através do Google Arts & Culture.

Deixe uma resposta

assine nossa newsletter

Receba novidades sobre lazer e eventos em São Paulo diretamente no seu e-mail!

Assine agora

Open chat